Gerir o Tempo….uma atitude crítica!

Outubro 28, 2006

Nas várias situações de vida a que somos expostos e que provocamos, tenho-me apercebido da importância do TEMPO, como variável crítica,  aquela que nos sossega ou não consoante as situações, necessidades, emoções. O que pretendo dizer  e partilhar é: deixar o TEMPO ter o seu “espaço” como se de um jogo de xadrez se tratasse, pois só se pode dar xeque em determinadas situações, quando determinadas peças estão no local correcto, o que implica que foi necessário a sua movimentação para o sítio certo e isso só foi  possível com o TEMPO. Pois é, uma das coisas mais fascinantes da vida é a simples apreciação e constatação da realidade das variáveis críticas que se tornam sublimes à medida que as vamos “dominando”, controlando, dirigindo a sua energia na direcção correcta.   

Anúncios